Após notícia de ser hospitalizado em estado crítico, morte do goleiro Bruno é refutada

Dias atrás, o goleiro Bruno chegou a ser hospitalizado; por um motivo onde não afetava só ele mas como todo seu time. Seu time teria um jogo contra Bragantino-PA.

A direção do clube Montpellier declarou luto ao ex-goleiro que tinha vindo a falecer (Bruno Martini) dizendo que todo o futebol e seus fãs estão de luto; que se foi um dos maiores goleiros do Montpellier e toda sua história já vivida. O clube também citou que Bruno era um de seus servos mais leais não só quando estava em campo Logo depois de ser hospitalizado em estado grave, notícia do falecimento de Bruno é divulgada e refutada.

Bruno chegou a ser internado por conta de uma refeição, a suposta refeição de um restaurante que teria lhe causado uma intoxicação alimentar; um dia depois soltam notícias da morte de Bruno por toda internet, chamando a atenção de cada internauta que rolava a tela pra baixo e a encontrava.

Com seu estado de saúde não sendo um dos melhores, os seguidores e fãs do goleiro já teria entendido incorretamente que estava por vim uma notícia ruim. Logo depois de alguns dias de sua internação; um ex-goleiro também chamado Bruno, veio a falecer dia 21 de outubro, na última terça-feira. Bruno morreu com 58 anos, mas teve uma grande carreira, pois, entre as décadas de 80 e 90 Bruno defendeu a França.

Os internautas chegaram a confundir os 2 Brunos ao ler “Bruno” e “goleiro” nas notícias soltadas, mas, o Bruno que joga no Rio Branco-AC ainda está em estado crítico. Após a maioria da internet interpretar incorretamente a notícia e a internet começar a refutar a própria notícia a chegar a ver equívocos de certos internautas. O que não falta em 2020 são informações e notícias, então tome sua cautela ao ler uma notícia e tente ler o que está escrito, e não, o que você quer ler.

Via: uol.com.br

Escrito por Redator Seguindo News

Escrevo sobre os mais diversos temas. Prezo pela parceria com os publishers. Os divulgadores que precisam de matérias específicas podem solicitar.