Ator de Titanic falece e era descrito como o mais gato

Fãs e familiares lamentam a perda do querido e talentoso John Fraser.

Não é a primeira vez que o mundo cenográfico vem perdendo uma de suas estrelas em 2020,e dessa vez foi a vez de John Fraser. O ator teria falecido pelo último sábado, dia 07 de novembro; mas o falecimento foi confirmado somente nessa terça-feira, dia 10 de novembro. A família veio confirmar a morte do ator.

A notícia acabou comovendo em muitos fãs e ao meio artístico, pois, o ator era muito adorado pelo público. John faleceu com 89 anos de idade depois de tentar batalhar longamente contra o horrível câncer, deixando também, um legado de toda sua brilhante carreira.

John tomou a decisão de não prosseguir com a quimioterapia, tomando uma decisão muito arriscada; ele acabou falecendo em sua casa. O corpo de John foi encontrado por seu marido Rodney Pienaar, o seu enorme parceiro de 68 anos de idade. Fraser não só tentou vencer o câncer, mas também tentou vencer o preconceito, pois teria se assumido homossexual naquela mesma época.

Crédito: Reprodução Instagram

Nessa época a maior parte da sociedade achava a homossexualidade optava por achar os homossexuais ilegais; e foi por um desses motivos que ele tomou a atitude de abandonar a fala no topo da sua carreira. John estreou em várias produções atraentes.

O ator chegou a atuar em dezenas de filmes, mas, recusou também muitos papeis por causa do preconceito no mundo do cinema. John foi considerado o homem mais bela da Grã-Bretanha em um filme britânico; estreou também em Titanic, do ano de 1953 e teve seu último papel feito em Truth or Dare, de 1996.

Escrito por Redator Seguindo News

Escrevo sobre os mais diversos temas. Prezo pela parceria com os publishers. Os divulgadores que precisam de matérias específicas podem solicitar.