Câncer de próstata: cinco segundos podem salvar sua vida

Não fuja do exame que leva 5 segundos e pode salvar sua vida

O tempo médio que um médico leva para verificar se um paciente está com câncer de próstata é de cinco segundos. Essa é a razão do título, porque por conta desses preciosos e temidos segundos, uma vida pode ser salva. Os homens deixam de fazer o exame por medo, vergonha e preconceito. Conhecimento é sempre fundamental!

Quase metade dos pacientes que foram diagnosticados com câncer de próstata em 2018 vieram a falecer. este ano o índice de internações diminuiu mas o de mortes aumentou! Isso indica que menos pessoas têm procurado o urologista para o exame e a morte acaba por ser iminente e precoce.

O Doutor Bruno Falcão que é diretor da Sociedade Brasileira de Urologia da Bahia, informa que o exame é extremamente rápido, não oferece riscos e apela para que a população masculina não tenha medo. Ainda há muito machismo em torno desta questão que é pura e exclusivamente de saúde!

“É um exame simples. A gente faz a anamnese, que é um levantamento do histórico do paciente e faz o exame, que demora no máximo uns cinco segundos. É muito rápido”, afirma do dr. Falcão

Além desse , outro exame é pedido: um de sangue. Entretanto o exame de sangue sozinho não oferece resultados satisfatórios. É necessário que os dois sejam feitos de forma concomitantes para que o resultado seja efetivo e o tratamento adequado, caso seja necessário, prescrito.

O urologista Wagner Coêlho Porto foi categórico em dizer que esse é o segundo tipo de câncer que mais mata homens em idades acima dos 50 anos, perdendo apenas para o câncer de pele. Essas mortes poderiam ser evitadas com o exame de 5 segundos!

O especialista explica que o câncer pode aparecer em três estágios: pouco agressivo, agressividade média e muito agressivo e a chance de cura quando descoberto no início é imensa! é uma chance de 90%.

Procure o médico, faça o exame e salve sua vida. Se você desejar, compartilhe esse artigo com alguém que necessita de conhecimento e ainda sente medo de fazer o exame de próstata.

Escrito por Telma Myrbach

Colunista de notícias e fatos sobre famosos, entretenimento e o que se relaciona à mulher e seus direitos e deveres, bem como maternidade