Carlinhos Maia vandaliza pintura e autora de quadro afirma que vai à Justiça contra ele

Mais uma polêmica para a coleção de Carlinhos Maia. Dessa vez, o humorista está sofrendo críticas por ter vandalizado uma pintura exposta no quarto do hotel onde ele está hospedado em Aracaju (SE).

Carlinhos Maia é conhecido por ser humorista, mas também por conta da série de polêmicas que vem causando ultimamente.

A última polêmica em que está metido e que tem revoltado a internet é o fato de ele ter rabiscado um quadro em um Hotel que o hospedava, na cidade de Aracaju, Sergipe, enquanto fazia shows.

Domingo passado (27) o autor compartilhou em seus Stories no Instagram, ao som de A Pantera Cor de Rosa, o momento em que usa uma caneta para vandalizar a pintura. Ao fim, ele assina o quadro, afirmando que teve autorização do hotel para isso.

O que Carlinhos pretendia que fosse uma piada, não saiu como o esperado e a Web criticou o gesto. A ação do rapaz chegou a se tornar um dos assuntos mais comentados do Twitter. “E o Carlinhos Maia que acha que, por ser humorista, tem liberdade pra desrespeitar o trabalho de outro artista”, escreveu um usuário.

A repercussão do caso

Além de famosos estarem detonando a ação do influencer em diversas plataformas a notícia chegou aos ouvidos da autora do quadro, a artista A artista Lau Rocha manifestou-se a respeito com nota em seu Instagram.

“Com tristeza e indignação, recebi a notícia de que uma das minhas obras foi vandalizada e exposta em uma rede social, por pessoa que aparenta ter influência na juventude deste país. Venho de uma família de que possui a expressão do belo como manifestação do caráter e foi um choque ver o descaso da pessoa em questão pelo meu sentimento expressado na obra, que é o patrimônio moral do artista. Não
autorizei a vandalização, que feriu minha alma e me expôs de maneira absolutamente constrangedora”, diz a nota.

A artista também completou dizendo que tomará providência a respeito e vai acionar judicialmente:

View this post on Instagram

Com tristeza e indignação, recebi a notícia de que uma das minhas obras foi vandalizada e exposta em uma rede social, por pessoa que aparenta ter influência na juventude deste país. Venho de uma família de que possui a expressão do belo como manifestação do caráter e foi um choque ver o descaso da pessoa em questão pelo meu sentimento expressado na obra, que é o patrimônio moral do artista. Não autorizei a vandalização, que feriu minha alma e me expôs de maneira absolutamente constrangedora. Espero que este episódio sirva de exemplo para se aprender sobre respeito e dignidade, sob pena de estarmos num caminho de desumanização muito perigoso para essa juventude que espera ações responsáveis daqueles que conquistam projeção midiática. Estou tomando as providências legais para reparação do dano e para que se compreenda que há um limite para a banalização da arte, que creio ser uma das mais importantes formas de transformação social. Agradeço a todas as manifestações de afeto e asseguro que permanecerei realizando o meu propósito de embelezar este mundo com arte. Muito obrigada. Lau Rocha

A post shared by Lau Artes (@laudice_rocha) on

Para que se compreenda que há um limite para a banalização da arte, que creio ser uma das mais importantes formas de transformação social. Agradeço a todas as manifestações de afeto e asseguro que permanecerei realizando o meu propósito de embelezar este mundo com arte”

 

Escrito por Telma Myrbach

Colunista de notícias e fatos sobre famosos, entretenimento e o que se relaciona à mulher e seus direitos e deveres, bem como maternidade