Caso Lázaro Barbosa: imagens mostram mais de 10 perfurações na parte superior do serial killer

Lázaro Barbosa conseguiu fugir da polícia por 20 dias. Ele era um “mateiro” profissional, e por isso tinha a seu favor os matagais e lagos da região. Ele usava isso para escapar das autoridades.

Desde então uma grande força tarefa que mobilizou mais de 250 agentes, helicópteros, drones e cães farejadores foram reunidos para essa busca implacável. Por diversos dias, Lázaro conseguiu se esquivar das autoridades. Hoje ele trocou tiro com a polícia, foi capturado e morreu.

Como foi o cerco que terminou com a captura e morte de Lázaro Barbosa

De acordo com uma publicação do portal G1, moradores que estavam no local disseram que os policiais solicitaram que Lázaro se entregasse, entretanto ele preferiu fugir pela mata. De acordo com o secretário de Goiás, antes desse fato ocorrer, Lázaro ameaçou os PMs. De acordo com o secretário Lázaro afirmou que se os policiais fossem atrás dele na mata levariam tiros na cara.

Diante da situação foi solicitado um reforço policial. O reforço foi deslocado para a região com o intuído de auxiliar na captura do serial killer. Durante a madrugada os policiais formaram um grande cerco.

A ex de Lázaro foi encaminhada até a delegacia para esclarecer sobre sua suposta colaboração na fuga do bandido. A polícia encontra Lázaro, ele troca tiros. Imagens que circulam nas redes sociais mostram o corpo dele com pelo menos 10 perfurações na parte superior do seu corpo. E você, o que pensa sobre tudo isso?

Escrito por Redator Seguindo News

Escrevo sobre os mais diversos temas. Prezo pela parceria com os publishers. Os divulgadores que precisam de matérias específicas podem solicitar.