Comediante e sua mãe são achadas mortas dentro de casa; Polícia achou bilhete de despedida

A comediante faleceu.

Foi anunciada a morte de uma importante humorista que atuava especialmente na Coreia do Sul.

As estrelas coreanas prestaram suas últimas homenagens na cerimônia do funeral da comediante Park Ji-sun, de 35 anos e sua mãe, ocorrida nesta quinta-feira, dia 5 de novembro.

Família e outros comediantes, incluindo Shin Bong-sun, Park Mi-sun, Park Sung-kwang e Heo Kyung-hwan participaram da cerimônia final por volta das 9h no Hospital Mokdong da Ewha Womans University em Seul. Park Ji-sun e sua mãe serão enterrados no Incheon Family Park.

Park Ji-sun morreu um dia antes de seu 36º aniversário em 3 de novembro. Ela e sua mãe foram encontradas mortas em sua casa em Mapo-gu, Seul, por volta das 13h44 no horário coreano, em 2 de novembro. Seu pai ligou para a polícia depois que não conseguiu contatá-las por telefone.

As duas morreram supostamente após terem se suicidado. Um bilhete foi encontrado pela polícia de Seoul Mapo, escrito pela mãe de Park Ji-Sun. As autoridades não realizaram mais autópsias a pedido da família.

Ela sofria de alergia à luz solar e à maquiagem. De acordo com o bilhete deixado por sua mãe, ela não podia deixar sua filha sofrer sozinha, noticiaram os canais de comunicação da região.

“Não há suspeita de crime, pois não havia sinal de arrombamento e o que se presumia ser uma nota de suicídio foi encontrado”, informa a polícia de Seoul Mapo.

Estrelas coreanas foram ao velória ou postaram online homenagens para a coreana, que fez sua estreia como comediante em 2007.

Escrito por Juliana Gomes De Souza

Colunista de notícias sobre diversos assuntos. Apaixonada por literatura e a arte da escrita. Escrevo sobre tudo que envolve o mundo do entretenimento, além de falar das principais noticias sobre o dia a dia.