Corpo de uma mulher de 54 anos é encontrado intacto dentro de uma cobra

Na Indonésia, uma mulher foi engolida por inteiro por um píton enquanto estava verificando seus campos de milho na semana passada. Segundo informações dadas por The Washington Post, citando o Jakarta Post, o nome da mulher era Wa Tiva, ela residia na Ilha Muna, localizada na Costa de Sulawesi, Indonésia. Ela tinha saído na noite de quinta-feira para visitar seu milharal que está localizado acerca de 800 metros de sua residência.

As pítons são muito comuns de serem encontradas nesta região, mas a mulher estava mesmo era preocupada em relação aos javalis, pois vinham destruindo todas as suas plantações, segundo informações do jornal do Jakarta Post.

Após Wa não voltar, sua irmã foi atrás dela mas encontrou apenas suas pegadas, a lanterna, seus chinelos e o facão. Quando foi no dia seguinte, cem moradores próximos ao local começaram a vasculhar a área e acabaram encontrando uma píton de sete metros de comprimento e com a barriga bastante inchada.

Os moradores mataram a cobra e a abriram, foi quando encontraram o corpo de Wa totalmente intacto dentro dela. É mais provável que ela não tenha morrido dentro da cobra, pois uma píton mata sua presa com uma mordida e logo em seguida envolve seu corpo ao redor da vítima para conseguir apertar até que a pessoa não consiga mais respirar, antes de consumir.

Píton é a maior cobra do mundo, e é mais comum que se alimentem de mamíferos menores. No entanto, esse mesmo caso ocorreu no ano passado com um fazendeiro da aldeia vizinha de Salubiro, segundo informações do The Washington Post.

Escrito por Redator Seguindo News

Escrevo sobre os mais diversos temas. Prezo pela parceria com os publishers. Os divulgadores que precisam de matérias específicas podem solicitar.