Ela só queria unhas bonitas, mas acabou tendo parte do dedo amputado por causa das unhas postiças

A jovem colocou as unhas postiças em casa.

Uma jovem Britânica de 17 anos acabou perdendo parte de seu dedo por causa de uma simples unha postiça. A jovem Sarah jamais imaginaria que as belas unhas postiças que havia acabado de colocar em seu dedo iriam trazer tantos problemas para sua vida.

Ela mesma decidiu colocar as unhas postiças em sua casa, comprou tudo que precisava e em pouco tempo estava com as unhas maravilhosas.

Mas Sarah contou que no dia seguinte percebeu que o seu dedo não estava muito bem, pois sentia dores fortes, além de perceber mudança na coloração do dedo.

A garota começou a tomar antibióticos, mas o remédio não fez efeito e ela precisou passar por uma cirurgia para reverter a infecção.

Os médicos precisaram amputar a parte de cima do dedo de Sarah e ela contou que para ela toda aquela situação foi muito assustadora e que jamais imaginaria que uma simples unha postiça poderia deixar o seu dedo da forma como deixou.

Além de amputar a parte de cima do dedo de Sarah os médicos precisaram abrir o seu dedo para fazer uma limpeza e retirar toda infecção, depois da cirurgia Sarah passou por outra situação difícil pois contraiu uma infecção bacteriana que a fez ficar duas noites no hospital isolada, em observação, sendo medicada.

Uma médica especialista em pele disse que o que pode ter causado a infecção grave no dedo de Sarah foi a má preparação da unha para receber a unha postiça, de acordo com a médica se a unha estiver úmida pode espalhar a infecção por todo o dedo.

A médica também aconselha que as mulheres não realizam esse procedimento em casa e que procurem pessoas especializadas e certifique-se de que todos os cuidados sejam tomados para evitar a proliferação de bactérias, doenças ou infecções. Prevenir é melhor que remediar.

Escrito por Cláudia Lm

Colunista de notícias dedicada a escrever artigos de qualidade sobre saúde, TV, notícias de grande repercussão, notícias gospel e demais assuntos.