Em entrevista, Eduardo Costa fala sobre críticas feitas à Rodrigo Faro e Luciano Huck

O cantor deixa claro suas opiniões diante da atitude dos apresentadores, e diz que não tem nada contra eles

Recentemente, Eduardo Costa cedeu uma entrevista à Gaby Cabrini, e o assunto não poderia ser outro, a não ser sua confusão com Luciano Huck e Rodrigo Faro. Caso você não tenha acompanhado o que aconteceu, o cantor Eduardo Costa se pronunciou em suas redes sociais, depois que alguns famosos gravaram vídeos batendo palma para os profissionais de saúde que estão lutando nesse momento de pandemia.

O cantor comentou que acha uma atitude hipócrita, alguns artistas com tanto dinheiro não doarem nada para ajudar nesse momento, valendo lembrar que ele doou uma grande quantia, mas que estavam preocupados em se promover com os vídeos batendo palmas, e ainda completou dizendo que ‘’Palmas não enche barriga de ninguém’’.

Eduardo Costa deixou claro que tem como amigos e que admira os apresentadores, Luciano Huck e Rodrigo Faro, mas que naquele momento, os vídeos não ajudavam, era preciso tomar atitudes realmente válidas. ‘’É um momento muito trágico para ficar fazendo propaganda de si próprio, fazer política’’, disse o cantor em entrevista.

A repórter indagou também sobre o valor que o canto doou para o SUS, um valor de R$ 2,5 milhões. Gaby Cabrini pergunta se o cantor teria se arrependido da doação, pois após ser divulgado que ele havia doado todo esse valor, começaram a surgir notícias de que ele teria mudado de ideia. Eduardo foi claro em dizer que não mudou sua opinião nem quis retirar a doação, apenas mudou a forma de fazê-la. Em primeiro momento, o cantor faria essa doação em dinheiro, mas decidiu doar equipamentos que estavam escassos e que eram extremamente necessários para o tratamento das pessoas que estavam internadas, como os aparelhos respiratórios, no meio desse surto do coronavírus.

Via: sbt.com.br

Escrito por Redator Seguindo News

Escrevo sobre os mais diversos temas. Prezo pela parceria com os publishers. Os divulgadores que precisam de matérias específicas podem solicitar.