Equipe de jornalismo da emissora Rede Globo sofre agressões e toda a situação é exibida

Um repórter cinematrográfico e uma jornalista sofreram duas agressões no meio de uma matéria.

A jornalista e o repórter, foram abordados agressivamente de um jeito covarde ao gravarem uma matéria que seria exibido ao ar para os moradores de Florianópolis. De acordo com a matéria, iria ser feito uma denúncia e um alerta sobre quebrar o protocolo da pandemia; com o uso desse espaço público todos por banhistas que estavam no local; porém, as coisas acabaram mal.

A equipe de gravação chegou a interromper toda a matéria depois de sofrerem uma injusta agressão, classificada pela Associação Nacional de Jornais. Os jornalistas são Renato Soder e Bárbara Barbosa; que estavam criando uma cobertura em uma das praias do local, em meio o feriado de segunda-feira.

A matéria falava sobre desrespeitar a Lei Estadual sobre aglomerações em praias públicas. Em uma certa hora, dois adultos chegam mais perto dos ambos jornalistas e tomam a iniciativa de partir para a agressão. Não bastando só agredir o jornalista e a jornalista, também chegaram a destruir os equipamentos usados para a criação da matéria; essa seria a intenção dos dois banhistas.

Na tentativa de resistir e não entregar seu celular, um dos dois jornalistas tiveram seu pulso ferido por um dos agressores. A pele do jornalista ficou marcada após o ataque.

Na tentativa de resistir e não entregar seu celular, um dos dois jornalistas tiveram seu pulso ferido por um dos agressores. A pele do jornalista ficou marcada após o ataque.

https://www.youtube.com/watch?v=ERjsbDn9p2U

Escrito por Redator Seguindo News

Escrevo sobre os mais diversos temas. Prezo pela parceria com os publishers. Os divulgadores que precisam de matérias específicas podem solicitar.