Fã que ameaçava dar cabo da vida de Simaria é preso no Rio Grande do Sul

Rapaz planejava se vingar da dupla SImone e Simária, por não obter respostas da sertaneja nas redes sociais

Ontem (12) um fã de Simaria, da dupla “Simone e Simaria” foi preso em Novo Hamburgo, há 40 km de distância de Porto Alegre, Rio Grande do Sul.

A prisão foi devido ao fato do rapaz planejar atentar contra a vida de Simaria em show que ela faria com a irmã no dia 14 de dezembro no Estádio Beira, também no Rio Grande do Sul.

Quando questionado sobre o porque do planejamento e ameaça de atentado, o homem disse que ela não respondia a ele nas redes sociais e isso era mais do que suficiente. O homem tinha um mandado de prisão preventiva expedido pelo Juizado Especial Criminal de Santana de Parnaíba, na Grande São Paulo, pelos crimes de ameaça e injúria., contra Simaria.

Ele ainda não está em São Paulo, mas será transferido para um presídio por já ter passagens anteriores na polícia, por roubo, furto, desacato e até agressões.

Procuradas pela impressa, a dupla não quis se pronunciar sobre o assunto mas sua assessoria, a Social Music e Áudio Mix declarou em suas redes sociais que levou o caso ao conhecimento da polícia devido às ameaças que vinham sofrendo por parte do fã que não suportava ser ignorado.

Não falariam mais a respeito do assunto a pedido da própria polícia que acredita que em sigilo o caso correrá mais rapidamente e as irmãs serão mantidas em segurança.

Trecho da nota dizia o seguinte:

“Tomando conhecimento dos recentes acontecimentos policiais, por total confiança nas instituições públicas e irrestrita obediência de

segredo de justiça do processo judicial, reserva-se quanto aos detalhes, aguardando o decorrer de sua tramitação”

O homem que ameaçou a dupla diz ainda que a família dela em 1996 em Campo Grande, quase deu cabo de sua vida, mas pareceu desorientado e não conseguia explicar o motivo.

Essa semana uma postagem do homem, que a polícia diz ser usuário de drogas há cerca de 20 anos apressou a polícia a fazer cumprir o mandado de prisão.

 

“Estão esperando terminar aquilo que a família delas começou lá no Mato Grosso do Sul. Isso mostra o quanto são covardes”,

escreveu, em seu Instagram publicando, em seguida, foto das irmãs.

 

Escrito por Telma Myrbach

Colunista de notícias e fatos sobre famosos, entretenimento e o que se relaciona à mulher e seus direitos e deveres, bem como maternidade