Família é presa após garçonete tirar essa foto

Na foto a criança aparece com hematomas no rosto que foram entendidos como agressão

Uma família aparentemente comum resolveu ir a uma lanchonete, ao chegar lá a garçonete desconfiou de que o homem abusava da criança de dois anos e tirou uma foto que acabou servindo como prova para que o casal fosse investigado e posteriormente detidos por agressão a menor.

O casal estava acompanhado pelo bebê e uma garotinha de 11 anos, quando a garçonete foi atende-los e notou que a menor tinha uma marca no rosto, que levava a acreditar que era um hematoma causado por algum tipo de agressão.

A garçonete disse que o rosto da criança estava roxo, como se levasse um soco, elem de que o homem forcava a criança a comer de forma estupida, o que levou ela a ficar desconfiada, já que ele era muito agressivo ao se referia a criança.

Ao notar a marca a funcionária Jordan Cooper, resolveu tirar uma foto, o que ela não esperava é que a família perceberia e sairia do estabelecimento rapidamente. Com a foto em mãos ela postou em suas redes sociais, muitos amigos reconheceram e ajudaram a identificar o casal, além  disso ela denunciou a família na policia passando a placa do carro em que estavam. Um amigo de Jordan, que é policial viu sua postagem e passou a investigar mais sobre o caso, colocou policiais à espera da família em casa e acionou a proteção a criança.

Quando a família chegou em casa os policiais já estavam esperando para checar o bem-estar da criança, e foi constatado realmente que ela havia sido vitima de agressão, logo após ainda descobriram que o homem já havia sido preso por abuso infantil em 2008

Mark e Jessica, foram presos a criança maior foi encaminhada para o pai biológico e a menor está sob os cuidados do estado até que se defina com quem ela deve ficar.

Escrito por Julia Carolina

Gosto de transmitir notícias verídicas de forma simples, tenho também como principais temas, artigos voltados ao publico feminino e curiosidades em geral.