Homem negro é algemado, acusado de roubo em drogaria, mas nada é encontrado com ele

O cidadão foi revistado, mas não havia nenhum item com ele, então o liberaram em seguida.

A abordagem feita a um homem dentro de uma farmácia deixou as pessoas que estavam no local revoltadas, pois os seguranças chegaram a algemar um homem negro que estava no estabelecimento comercial.

O caso aconteceu na avenida Paulo de Frontin, em Volta Redonda, na manhã de ontem. O homem foi acusado de roubo e nem teve tempo de se defender, ele foi algemado em frente à farmácia, enquanto as pessoas paravam para ver o que estava acontecendo.

Logo começou um protesto com todos pedindo para largarem o homem, pois ele era inocente. Por diversas vezes o cidadão foi questionado se havia roubado algo dentro do estabelecimento comercial, mas ele sempre respondia que não pegou nada.

Em seguida ele foi puxado com força para o lado da entrada da farmácia e as pessoas ficaram revoltadas com a violência com que ele estava sendo tratado, muitos disseram que não era para agredi-lo, pois não havia nenhuma prova.

Como não foi encontrado nada com o cidadão e as pessoas se mostravam cada vez mais furiosas com o que estava acontecendo, o homem acabou sendo liberado e foi embora aliviado, pois pensou que o pior poderia acontecer.

Uma testemunha disse que o homem foi logo sendo algemado e começaram a dizer que ele havia roubado algo na farmácia, só que nada foi encontrado com o sujeito. Ainda não foi confirmado se o segurança trabalha para a farmácia, ou se próximo ao local. A rede de drogarias foi procurada para comentar sobre o caso, mas até o momento não se manifestou.

 

Escrito por Russel Morais

Escrevo notícias sobre o mundo dos famosos, os últimos acontecimentos do Brasil e no mundo, além de curiosidades, dicas, economia, tecnologia.