Idoso é detido em flagrante em SC após tentar incendiar a casa depois da mulher pedir para lavar as mãos, contra o Covid-19, diz PM

Na passada noite de sábado(28), um idoso de 61 anos foi detido, depois se ter sido flagrado a tentar colocar fogo na sua própria habitação em Chapecó, no Oeste catarinense.

A mulher disse aos agentes que o seu marido, ficou irritado depois que ela pediu para que ele lavasse as mãos,como é recomendado pelo (OMS) para prevenir a pandemia do novo coronavírus. Segundo os resultados do (OMS), atualmente Chapecó já tem cinco casos confirmados para o novo Covid-19. Segundo a Policia Civil, o idoso, foi multado ainda em flagrante por injúria e sob ameaça, mas acabou por ser liberado.

Além de ser aplicada a medida protetiva, também foi obrigado a abandonar o lar onde residia com a mulher. Por sorte, PM estava de folga no Bairro Santo Antônio onde ocorreu o caso, a autoridade estava apenas por ali nas proximidades, aproveitando a usa folga quando foi acionado pelos vizinhos que de imediato lhe pediram socorro. Ele conseguiu fazer a detenção do autor e ainda com a ajuda da filha do casal de 22 anos, controlaram as chamas com ajuda de baldes de água.

O presumível autor, ainda espalhou líquido inflamável, por toda a habitação. Quando o carro das autoridades chegou no local, por cerca das 22h , uma parte das paredes da casa já tinham sido queimadas, como também algumas cadeiras e objetos se encontravam parcialmente queimadas. O homem ainda possuía uma arma branca (faca) na cintura mas foi de imediato imobilizado.

A mulher com 55 anos,contou aos policiais que o esposo ficou irritado e logo de seguida começou a falar palavrões, apenas quando ela pediu que ele lavasse as mãos por causa do Covid-19. Já a versão que os envolvidos relataram para a Polícia Civil, foi outra.

Segundo a declaração do delegado Estevão Vieira, ele diz que, pode se ler a nota:”O casal já tem um histórico por violência doméstica, além dos desentendimentos entre ambos, mas ainda assim continuam juntos, e debaixo do mesmo teto, por acordo de ambos. Mas no sábado, houve mais um episódio violento entre eles.

Ele havia regressado do trabalho, e a mulher disse á neta que não se encostasse nele para não correr o risco de contágio. Foi a partir daí que a discussão iniciou e começaram a trocar farpas e ofensas”.

Ainda segundo o delegado, não existia qualquer motivo ou Índice que o homem estaria com o coronavírus. Por sorte, ninguém estava dentro da residência quando ele resolveu tentar atear fogo no sofá. O incêndio não se alastrou, mas ainda danificou alguns móveis, e foi controlado pela filha do casal e o militar que estaria de folga.

“Foi pedido uma perícia no local para dar a acadimento exata desse incêndio. Brevemente, ele pode ser indicado por tentativa de incêndio e vir a responder dependendo do resultado da perícia”, detalha. De acordo com as autoridades, o homem já tem passagens pela polícia por lesão corporal, tráfico de estupefacientes e ameaça.

Escrito por Carla Sofia

Sou especialista em Receitas, dicas e saúde! Gosto sempre de estar atualizada de novas receitas e formas medicinais!