Marido amarra a esposa e quase acaba com ela, após olhar as mensagens no celular da mulher

A vítima conseguiu escapar por muito pouco e pediu ajuda aos vizinhos.

Hugleice da Silva tem 37 anos e após ser preso e julgado, foi condenado a 12 anos de prisão por tentativa de homicídio. O sujeito tentou tirar a vida da esposa, Mayara Rodrigues, de 31 anos.

Em novembro de 2018, em Rondonópolis, ele quase matou Mayara e só não conseguiu porque ela conseguiu escapar e foi pedir ajuda para os vizinhos. O Ministério Público informou que o sujeito olhou as mensagens no celular da esposa e não teria gostado do que viu, então começou a bater nela.

Ele chegou a amarrá-la e usou uma faca para feri-la, mas Mayara escapou e recebeu ajuda dos amigos, enquanto o sujeito fugiu, mas foi capturado pela Polícia Rodoviária Federal, sendo levado em seguida para a delegacia de Dourados, no Mato Grosso do Sul.

Para tentar matar a esposa, Hugleice teria esperado ela ficar sozinha em casa, depois desligou as câmeras de segurança e foi até o quarto onde Mayara estava dormindo. Ele amarrou a mulher, depois colocou-a no porta-malas de seu carro e foi nesse momento que ela começou a apanhar.

Mas a mulher conseguiu escapar e foi até os vizinhos gritando por socorro. Mayara espera poder recomeçar sua vida e não passar por isso nunca mais.

Os vizinhos ficaram chocados com o ocorrido e nunca imaginaram que no bairro pudesse acontecer um crime tão bárbaro. Mayara não informou se pretende mudar para outro local.

 

Escrito por Russel Morais

Escrevo notícias sobre o mundo dos famosos, os últimos acontecimentos do Brasil e no mundo, além de curiosidades, dicas, economia, tecnologia.