Mendigo falece em padaria e o estabelecimento continua aberta como se nada tivesse acontecido

O caso ocorreu no Rio de Janeiro, em uma padaria de Ipanema.

Um ocorrido daqueles que se a gente contar, ninguém consegue acreditar. Um mendigo acabou tendo um mal súbito e veio a falecer ainda dentro de uma padaria, localizada em Ipanema, que fica na Zona Sul do RJ. Para o espanto dos clientes e dos leitores dessa notícia, o corpo chegou a ser coberto somente por uma lona totalmente preta e a padaria continuou atendendo pessoas como se nada tivesse acontecido.

O trágico ocorrido acabou impressionando todos, e também, o jornalista chamada Joaquim Ferreira dos Santos, que acabou registrando o ocorrido e logo postou em suas redes sociais. Ele critica a cena, pois na legenda de sua postagem diz que a morte é o mais novo banal, e a prova seria que agora ela se encontra jogada, e sem escândalo algum, entre sorvetes e os bolos da padaria daquele quarteirão.

O rapaz, de acordo com o jornalista, teria falecido por cerca das 8 horas da sexta-feira passada, dia 27 de novembro; quando teria entrado no estabelecimento para suplicar por um pouquinho de alimento e logo veio a óbito. Joaquim revela que além de cobrir seu corpo somente com uma lona, teriam feito uma cerca com mesas para mantê-lo distante dos clientes.

Um homem que marcou presença na cena, chegou a pedir por razões sanitárias, para que o estabelecimento fosse fechado, e o dono acabou ignorando, onde dizia que ninguém chegou a ter humanidade quando o mendigo estava totalmente jogado nas ruas, e agora que teria morrido jogado em sua padaria, as pessoas desejam que ele tenha humanidade.

O corpo do morador de rua foi retirado horas depois pelo rabecão e encaminhado ao IML.

Escrito por Redator Seguindo News

Escrevo sobre os mais diversos temas. Prezo pela parceria com os publishers. Os divulgadores que precisam de matérias específicas podem solicitar.