Morre criança de dois anos depois de ficar presa num poço por 4 dias

Bombeiros na Índia tentaram resgatar o bebê há tempo, mas Sujith Wilson, preso no poço desde a sexta-feira , 25 não resistiu.

O menininho que comoveu a web por estar preso em um poço de 26 metros de profundidade desde a noite da última sexta-feira, 25, foi declarado morto nesta terça-feira, 29. Todos torciam pelo resgate, em tempo, dos bombeiros.

O pequeno caiu em um poço abandonado, no distrito de Tiruchirappalli, na última sexta-feira (25) e desde então uma equipe de resgate se empenhava para salvar a vida do garoto. No entanto, o desfecho não foi como o esperando. Segundo o comissário de Administração da Receita, J Radhakrishnan, o corpo foi encontrado em estado “altamente decomposto”.

A tática de resgate consistia em fazer uma perfuração maciça no poço e não foi bem sucedida devido ao terreno altamente rochoso do local, o que dificultou a chegada do resgate ao menino em tempo hábil. Durante o resgate a principal preocupação de todos era a de que, durante esses 4 dias, a criança estava sem beber água e sem comer nada.

O corpo do pequeno Wilson será cremado após velório e culto na igreja local. Os moradores homenagearam o menino colocando folhas de calotropis, nas estradas locais, uam vez que de acordo com a crença hindu, esse ato ajuda a proteger contra novos acidentes.

É digno de nota o fato de que crianças caindo em poços não são raros e ocorrem em vários países do mundo. As perfurações ilegais  para extração de água são as maiores causadoras dos acidentes.

Em junho, deste ano, outra criança de dois anos morreu depois que caiu em um poço em Punjab. E da mesma forma que ocorreu com o menino Wilson, Jullen Roselló que também caiu em um poço na cidade de Totalán, na Espanha, também teve seu corpo encontrado sem vida. O poço tinha 25 centímetros de diâmetro e 107 metros de profundidade.

Todo cuidado é pouco, uma vez que temos muitas cidades brasileiras que também fazem perfurações clandestinas em busca de água.

 

Via: publico.pt

Escrito por Telma Myrbach

Colunista de notícias e fatos sobre famosos, entretenimento e o que se relaciona à mulher e seus direitos e deveres, bem como maternidade