Morre famosa e querida atriz da Globo e brasileiros ficam devastados com a perda: “Luto eterno”

Famosa por ter trabalhado em diversas novelas da TV Globo, dentre elas "Estúpido Cupido", Heloisa Raso não resistiu a um problema de saúde e morreu no Rio.

Muito conhecida na década de 80 e 90, a atriz Heloisa Raso, de 64 anos de idade não resistiu a um problema de saúde e faleceu nesta sexta-feira (1) e pegou muita gente (famosos e anônimos) de surpresa.

A causa da morte ainda não foi divulgada por nenhum membro da família da atriz, que estava internada no Hospital Samaritano, Barra da Tijuca no Rio de Janeiro.

O corpo da atriz foi velado e enterrado em Botafogo, também no Rio de Janeiro, no cemitério São João Batista.

Muitos foram os artistas que sentiram a morte da colega e dente eles Cininha de Paula, ex-diretora da emissora, que disse o quanto era grata a Heloisa Raso e chamou-a de “um ser de amor”.

Trabalhos de Heloisa Raso

A bela atriz estreou na televisão na novela “O Grito” da TV Globo em 1975, participou de outras grandes obras da emissora, como Anjo Mau, Estúpido Cupido em 1991. Seu personagem nesta última era Ana Maria (cujo tema era “Biquíni de Bolinha Amarelinha”) e o papel contribuiu muito para que ela levasse o título de símbolo sexual na década de 1970. Estúpido Cupido também é uma novela famosa por ter sido a última em preto e branco da emissora e por ter os famosos Françoise Forton e Ricardo Blat como par romântico.

Seu último trabalho da Globo foi em 1996 com a tão famosa e já citada novela “Anjo Mau’ que marcou a estreia do diretor Cassiano Gabus Mendes e de Luis Gustavo. A babá Nice foi a primeira protagonista de Susana Vieira em novelas.

Com muita vocação para as artes cênicas, Heloisa Raso também se destacou como bailarina clássica, formada pela UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro) em Belas Artes e também cursou, se saindo extremamente bem no Actors Studio em Nova York. Como bailarina ela se formou pela Royakl Academy, em Londres.

A moça também brilhou em novelas Sassaricando, Lua Cheia de Amor e Felicidade.

 

Escrito por Telma Myrbach

Colunista de notícias e fatos sobre famosos, entretenimento e o que se relaciona à mulher e seus direitos e deveres, bem como maternidade