Mulher que deu à luz aos 67 anos, poderá ter que pagar multa por ter tido o bebê

A idosa não deveria ter mais filhos segundo a lei de seu pais

A alguns dias noticiamos um fato ocorrido  na China, uma mulher de 67 anos engravidou naturalmente e estava concorrendo para ganhar o titulo de mulher mais velha do mundo a engravidar de forma natural.

Pois bem, ela ganhou o titulo e foi provado que realmente não fez nem um processo medico para conseguir a concepção, Tian estava muito feliz com a gravidez e dizia ser presente de Deus até que algo mudou e o casal de idosos não tiveram uma surpresa assim tão boa.

Tian e o marido Huang Weping de 68 anos são pais de dois filhos, e com a chegada desse mais novo membro acabam sendo três filhos, o que na China não é permitido por lei.

A médica aposentada está desde então violando a lei de seu pais que por controle populacional desincentiva a população a terem muitos filhos.

A partir daí começou mais uma saga na vida de Tian já que o governo pode processar a família  e dar-lhes uma multa que depende da renda familiar, a idosa disse que vão procurar por seus direitos, já que a gravidez não foi planejada e o intuito não era de que acontecesse:

 

“Nós não queríamos violar a lei. Eu vou recorrer caso nos processem”, contou Huang em entrevista.

 

Tian levou a gravidez a diante por acreditar que foi algo divino, um presente, mas a os outros filhos de aproximadamente 40 anos não gostaram da atitude e achavam que a mãe não devia ter mais filhos, o governo está analisando a situação para tomar a decisão de multar ou não a família, já que foi algo tão inusitado.

 

 “Minha filha até me disse que se eu desse à luz, ela iria cortar todas as relações comigo”, contou Tian que até então não deu mais detalhes sobre como está o relacionamento familiar.

 

Escrito por Julia Carolina

Gosto de transmitir notícias verídicas de forma simples, tenho também como principais temas, artigos voltados ao publico feminino e curiosidades em geral.