Mulher tem três abortos em apenas um ano, mas logo em seguida dá à luz trigêmeos

O casal queria mulher ter mais um filho, mas as tentativas estavam dando erradas.

No Reino Unido, um casal de mulheres queria muito aumentar a família, mas acabaram enfrentando sérios problemas. Hannah Swift tem 30 anos e Siobhan tem 40, elas conversaram e decidiram que era hora de terem um filho.

Hannah chegou a sofrer três abortos espontâneos e isso foi no período de um ano, mas elas não perderam a esperança. O problema é que Hannah tem uma doença autoimune e isto faz com que apareçam coágulos no sangue, mesmo assim ela tentou engravidar uma quarta vez.

Desta vez elas foram surpreendidas pela notícia de que estavam esperando não um, mas três bebês. A notícia foi recebida com muita alegria e o casal já tinha uma filha de dois anos, a pequena Isabella, então começaram a preparar a casa para receberem os três filhos que já estavam a caminho.

Hannah confessou que após sofrer o terceiro aborto ficou confusa e já começou a pensar que não conseguiria mais engravidar. Siobhan não pode ter filhos porque ela fez uma histerectomia, ou seja, retirou o útero quando teve uma perfuração no intestino.

Sem conseguir entender o que estava acontecendo, Hannah procurava uma explicação, mas sempre perdia o bebê em estágios diferentes. Ao descobrir que tinha uma doença autoimune, começou a fazer uso de um medicamento e foi isso que a ajudou.

Quando Hannah descobriu que seria mãe de Alice, Evely e Amelia de uma só vez, chegou a bater o carro, de tão emocionada. Ela amassou toda lateral do carro, mas nada estragou sua felicidade.

Após o nascimento, os bebês ficaram cinco semanas no hospital para ganharem peso, mas agora a família está unida, feliz e fazendo planos para o futuro.

 

Escrito por Russel Morais

Escrevo notícias sobre o mundo dos famosos, os últimos acontecimentos do Brasil e no mundo, além de curiosidades, dicas, economia, tecnologia.