Velório de Vanusa acontece em São Paulo nesta segunda-feira (9) e será fechado ao público

A cantora será velada em uma cerimônia que contará apenas com amigos e familiares

O corpo da cantora Vanusa que faleceu neste último domingo (8) será velado e enterrado nesta segunda-feira (9), em São Paulo. No entanto, de acordo com o que foi divulgado, o velório da cantora contará apenas com a presença de familiares e amigos da mesma, e não será aberto para que o público possa se despedir dela. A atitude foi devido aos protocolos de distanciamento social adotados devido a pandemia do Covid-19, com isso, os fãs não poderão se aproximar do local em que a cantora será velada e enterrada.

O velório acontece nesta segunda-feira (9), das 8h às 14h no Funeral Arce Morumbi. O enterro da artista será às 16h no Cemitério de Congonhas, localizado no bairro Vila Sofia, na Zona Sul da cidade de São Paulo.

A cantora morreu neste último domingo (8) aos 73 anos de idade, com um quadro de insuficiência respiratória. Há algum tempo Vanusa vinha lutando contra uma pneumonia, e passou por várias melhoras e pioras, até que recebeu alta do hospital em que estava há um mês após um quadro de melhora da doença. Antes de ser liberada, Vanusa permaneceu em um hospital localizado na cidade de Santos, no litoral de São Paulo, por 32 dias um passou por todo tratamento contra a pneumonia.

Um enfermeiro do local onde a cantora estaria morando atualmente, após deixar o hospital onde ficou para seu tratamento contra a doença respiratória, encontrou ela já sem batimentos cardíacos por volta das 5h30 quando a cantora foi dada como morta.

Vanusa além da doença que vinha tratando há algum tempo, também sofria com um estágio avançado e uma síndrome demencial. Em outubro, o filho da cantora, Rafael Vanucci, em meio a recuperação dela no hospital, chegou a dar uma declaração onde destacou que logo quando a mãe ficou doente, ela havia pedido que o filho não deixasse que as pessoas a vissem desta forma. Diante disso, Rafael vem mantendo a mãe longe da mídia a pedido da mesma, que já estava agora recentemente em um estágio grave da doença.

Após o anúncio da morte da cantora, alguns amigo e fãs de Vanusa usaram das redes sociais para um último adeus. Roger Moreira, líder da banda Ultraje a Rigor foi um dos que se manifestou aa respeito da partida da cantora, destacando que Vanusa ficou popular através da televisão por unir a beleza e o talento, ao final da mensagem, ele desejou que a cantora descanse e paz agora.

Outro que se manifestou diante da morte de Vanusa foi Reinaldo Gottino, apresentador da Record. Em sua mensagem, Gottino destacou que sempre teve muito respeito e carinho pela cantora, e a elogiou como profissional. Além disso, ele recordou do momento em que foi recebido por Vanusa na casa da cantora para que fizesse uma entrevista com ela.

Vanusa nasceu no dia 22 de agosto de 1947 na cidade de Cruzeiro, no interior do estado de São Paulo. A atriz se tornou uma das principais vozes da Jovem Guarda no período de 1960 a 1970. Gravou 23 discos ao longo de sua carreira, e vendeu mais de três milhões de cópias.

 

Escrito por Redator Seguindo News

Escrevo sobre os mais diversos temas. Prezo pela parceria com os publishers. Os divulgadores que precisam de matérias específicas podem solicitar.